Novas tecnologias otimizam tratamento de água e efluentes

A aQuamec apresenta software de controle de processos e membrana de ultrafiltração que melhoram o desempenho e reduzem custos no tratamento de águas e efluentes.

InfraRoi
A aQuamec, que oferece uma série de soluções para os mercados de água e esgoto, está trazendo para o Brasil duas novas tecnologias desenvolvidas pela norte-americana Water Planet para o tratamento de águas e efluentes. Os produtos são o software de controle de processos IntelliFlux e as membranas de ultrafiltração PolyCera, que foram desenvolvidos para otimizar a performance do sistema de membranas (MF/UF) e podem ser utilizados em processos de potabilização. Com isso, eles encontram aplicação tanto no tratamento de água municipal; quanto no reuso de efluentes municipais ou industriais.
O IntelliFlux é um software de controle de processo, com tecnologia de inteligência artificial, que otimiza o desempenho dos sistemas de filtração em aplicações complexas. Quando acontece uma mudança nas condições do efluente, o software ajusta as condições de filtração em tempo real, assegurando um desempenho estável do sistema com a máxima recuperação de água. Dessa forma, o sistema amplia o tempo de processo no tratamento de águas e efluentes e aumenta a vida útil dos elementos de filtração.
Segundo Erik Hoek, CEO da Water Planet, a matemática complexa, que engloba cálculos que o homem não pode executar rapidamente, ajudará a aperfeiçoar o processo de filtração da água no futuro. “Nossa experiência já mostra uma significativa economia de custos usando a inteligência artificial em sistemas de membranas, o que ajuda a fornecer mais água a um custo menor”, diz ele.
Já as membranas de ultrafiltração PolyCera são constituídas por folhas planas, cujos poros têm diâmetro inferior a 20 nanômetros, que oferecem uma combinação única de polímero e cerâmica de alta capacidade hidrofílica, com elevada permeabilidade e robustez. Os módulos espirais alavancam o desempenho da membrana de folha plana, já que os elementos podem operar em fluxo tangencial (cross-flow) e serem retrolavados.
O resultado é uma primeira membrana polimérica com desempenho de filtração de tipo cerâmico. A tecnologia propicia ainda diferenciais importantes para o processo, como um menor consumo de energia elétrica e de produtos químicos, o que reduz os custos operacionais do sistema de tratamento. “As membranas PolyCera são o que existe de mais inovador no mercado de filtração por membranas, pois elas possibilitam aplicações que polímeros comuns não são capazes de atender, como o tratamento de efluentes com até 500 miligramas de óleos e graxas por litro de água” afirma Sonia Mucciolo, especialista em processos da aQuamec.
A Water Planet, que tem entre seus fundadores o ator e ambientalista norte-americano Kevin Costner, é representada no mercado brasileiro pela aQuamec e participou do roadshow promovido pela empresa entre os dias 21 e 31 de março passado, em seis capitais do país. Na ocasião, a companhia norte-americana detalhou as duas tecnologias, o software IntelliFlux e as membranas PolyCera, para um público composto por mais de 600 profissionais do setor, nas seis apresentações realizadas.

Leia na biblioteca do ENGENHARIA COMPARTILHADA:

© 2013 - Todos os direitos reservados DIAGRAMA MARKETING EDITORIAL


Loading