19 de julho de 2019

Kimberly Clark pagará R$ 200 mil por projetos de saneamento

Por meio da marca Neve, fabricante de produtos de higiene cria programa de aceleração de saneamento e apoiará quatro projetos com R$ 50 mil cada

Por André Jankavski
Kimberly Clark acelerará quatro projetos voltados para a universalização do saneamento (Germano Lüders/EXAME)

São Paulo – A falta de saneamento básico é um problema mais do que conhecido no país. Um exemplo é que praticamente metade dos brasileiros não tem acesso a esgoto tratado – e nenhum governo, até agora, resolveu esse problema. Para tentar amenizar a situação, a fabricante de produtos de higiene e beleza Kimberly-Clark criou um programa de aceleração para projetos que visem a melhoria do saneamento no país. No total, distribuirá R$ 200 mil a quatro projetos – R$ 50 mil para cada.

O programa, que é um desdobramento do projeto global Banheiros Mudam Vidas, iniciado em 2016, terá inscrições até o dia 25 de agosto através do site oficial.

“O saneamento basico é um problema que atinge milhões de pessoas e sabemos que, para conseguirmos mudar este cenário ainda precário no país, o envolvimento do setor privado também é relevante”, diz Patrícia Menezes, diretora de Family Care da Kimberly-Clark.

A busca por empreendedores com soluções para a universalização do tratamento de água e esgoto terá três fases. Na primeira, doze candidatos serão selecionados para participar de uma oficina em São Paulo no início de outubro – eventuais gastos de passagens e hospedagem serão custeados pela Kimberly Clark. Depois do evento, até dez iniciativas passarão por uma aceleração com duração de cinco meses com mentores especializados.

Por último, os empreendedores serão avaliados por uma banca de jurados que farão a avaliação de maturidade da iniciativa e a capacidade de entrega de resultados sociais e financeiros. Ao final, quatro deles serão escolhidos para receber uma verba de capital-semente de R$ 50 mil cada.

O dinheiro virá da marca de papel higiênicos Neve, controlada pela Kimberly-Clark. Para formar a bancada de jurados, a fabricante fez uma parceria com a organização Sense-Lab, especializada em projetos de impacto socioambientais, e com o Instituto Iguá, ligado a empresa Iguá Saneamento, especializada no setor.

Para completar, a fabricante escolheu a investidora-anjo Camila Farani, também conhecida pela participação no programa Shark Tank, como embaixadora do projeto e uma das avaliadoras.

© 2013 - Todos os direitos reservados DIAGRAMA MARKETING EDITORIAL


Loading