Remo Cimino

Nome

REMO CIMINO

Nacionalidade

BRASILEIRA

Formação Profissional

ENGENHEIRO CIVIL

Instrução Superior

Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) - Engenharia Civil - 1966.

Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) - MBA Direção de Empresas - 2003.

Monografia - Utilização de Indicadores de Desempenho para o Gerenciamento de Projetos e de Empresas - Metodologia PMI e Balanced Scorecard. 2003 - com aprovação 9,8 pontos.

Formação

Seminário Reconstruindo a Engenharia Brasileira

Instituto de Engenharia de São Paulo

Curso Concreto Protendido

Instituto de Engenharia de São Paulo

Curso de Usinas de Concreto Pré-Moldado

Inglaterra e Áustria

Estágio Concreto Pré-Misturado

Metrô, México

Estudos de Equipamentos de Concreto

Metrô, México

Estratégia Empresarial

USP

Estratégia Recursos Humanos

USP

Curso sobre Sistemas Construtivos de Túnel

USP

Transporte Fluvial

ENASA

Logística de Suprimentos

FGV

Execução de Túneis – NATM

EPUSP

Sistemas Construtivos – Rodovias e Viadutos

Espanha

Construção de Edifícios – Indústrias – Recuperação de Estruturas

Canadá

Ensinamentos do Professor Olivier Emile – Construções

Paris

Fundação Nacional da Qualidade – Diversos Cursos

FNQ

Qualidade e Produtividade

CNI – SESI/DN

Seminário Ibero-Americano sobre técnicas construtivas industrializadas para habitação de interesse social

IPT

Concreto Massa

IBRACON

Seminário – Desenvolvimento de Empresas

Prof Lodi, Estacon

Fórum desenvolvimento sustentável do Estado do Acre

Banco da Amazônia

Indústria da Construção Civil e o Transporte Fluvial na Amazônia

UFPa

 

Publicações – Literária & Científica

Livro Planejar para Construir – Editora PINI – 1987

Visão e Rede Sistêmica da Engenharia

Sistema de Modelagem e Interdependência por Processos de Trabalho – Fundação Biblioteca Nacional

Tópico

Titulo

Registro

Autores

1

Introdução à Visão Sistêmica e à Rede Sistêmica de Engenharia

436.047, julho de 2008

Remo Cimino

Roberto José Falcão Bauer

2

Sistema: Modelagem e Interdependência por Processos de Trabalho

436.046, outubro de 2008

Remo Cimino

Roberto José Falcão Bauer

 3

Sincronismo Organizacional

436.047, julho de 2008

Remo Cimino

4

Planejamento Estratégico e Plano de Negócios

436.049, julho de 2008

Remo Cimino

5

Riscos nas Empresas e nos Projetos

436.052, julho de 2008

Remo Cimino

Roberto José Falcão Bauer

6

Indicadores de Desempenho Empresas e Projetos

436.052, julho de 2008

Remo Cimino

Roberto José Falcão Bauer

7

Qualidade, Meio Ambiente, Tecnologia e Controle Tecnológico

436.057, julho de 2008

Remo Cimino

Roberto José Falcão Bauer

8

Meio Ambiente, Ecossistemas, Legislação e Requisitos

436.055, julho de 2008

Remo Cimino

9

Gestão Ambiental

436.044, julho de 2008

Remo Cimino

10

Projetos de Arquitetura e Engenharia

436.046 a 442.983, entre outros

Remo Cimino

Roberto José Falcão Bauer

11

Empreendedor e

Gestão de projetos

442.983, outubro de 2008

Remo Cimino

12

Construtor, Montador E Instalador

436.041, julho de 2008

Remo Cimino

13

Planejar para Construir

453.900, março de 2009

Remo Cimino

14

Empreendimentos Imobiliários

453.899, março de 2009

Remo Cimino

15

Empreendedor Público

Gestor de projetos

436.046 a 442.983, entre outros

Remo Cimino

Roberto José Falcão Bauer

16

Agências Reguladoras e Concessões

Editorial

Remo Cimino

17

Parcerias Público-Privadas

442.982, outubro de 2008

Remo Cimino

18

Ativos

453.897, março de 2009

Remo Cimino

19

Operação de Projetos

453.898, março de 2009

Remo Cimino

20

Licitações, Pregão e Leilão

453.894, março de 2009

Remo Cimino

21

Auditoria

453.901, março de 2009

Remo Cimino

22

Retrato do Brasil

Editorial

Remo Cimino

23

Energia I - Modelo Institucional, Investimentos e Planejamento Estratégico

Editorial

Remo Cimino

24

Energia II- Energia Renovável - UHE, CGH e PCH

Editorial

Remo Cimino

25

Energia III - Energia Renovável - ELO, Solar e Biomassa

Editorial

Remo Cimino

26

Energia IV - Energia Não Renovável - UTE do Tipo Fóssil, Carvão Mineral e Nuclear 

Editorial

Remo Cimino

27

Energia V - Petróleo e a Petrobrás

Editorial

Remo Cimino

28Transmissão e distribuição de Energia e Luz para Todos  Editorial Remo Cimino
29Sistema Modal de TransportesEditorial  Remo Cimino
 30Transportes Rodoviário, Ferroviário e Mobilidade Urbana Editorial Remo Cimino
 31Transporte Aeroviário, Aquaviário e Dutoviário   Editorial  Remo Cimino
 32Habitação de Interesse Social Editorial  Remo Cimino
 33Saneamento Básico e Recursos Hídricos  Editorial  Remo Ciino

outros

Sistemática de uma Empresa na Construção Civil

108.690; Livro 160 folha 377

27 de fevereiro de 1996

Remo Cimino

outros

Direção de Empresas de Engenharia

311.755; Livro 568 folha 415

17 de fevereiro de 2004

Remo Cimino

outros

Planejamento, Gestão e Implantação de Projetos

386.505; Livro 718 folha 165

28 de agosto de 2006

Remo Cimino

 

Palestras e Cursos “In Company”

·         Métodos Executivos – Obras de Barragem:

IBRACON; UFPA; Ministério de Hidráulica da Argélia

·         Microcentrais Hidráulicas:

UFPA

·         Aproveitamento Hidráulico:

UFPA

·         Planejamento e Orçamento:

SEVOP; SECOP; UFPA; IESP; IEP

·         Licitações:

SEOP; USP; Diversos Órgãos; Prefeituras

·         Empresa de Engenharia Obras de Grande Porte:

Instituto de Engenharia México; Escola de Mestres; França

·         Planejamento e Gestão de Empresas:

Clube de Engenharia do Pará - CRVD; SEOP; Celpa Rede; Cosanpa; Estacon; Correios; Bombeiro; Protec; Banco da Amazônia

·         Parcerias Púbico-Privadas:

Clube de Engenharia do Pará - CRVD; SEOP; Celpa Rede; Cosanpa; Estacon; Correios; Bombeiro; Protec; Banco da Amazônia

·         Planejamento e Gestão Implantação de Projetos:

Clube de Engenharia do Pará - CRVD; SEOP; Celpa Rede; Cosanpa, Estacon; Correios; Bombeiro; Protec; Banco da Amazônia

·         Planejamento e Orçamento de Empreendimentos:

Ministério da Aeronáutica

·         Fórum de Desenvolvimento Sustentável do Estado do Acre:

Banco da Amazônia

Experiência Empresarial

·         Estudos Técnico, Econômico, Financeiro – Implantação da Engemix – Engenharia Indústria e Comércio.

·         Análise Técnica, Econômica e Financeira na Aquisição de Equipamentos.

·         Análise de Contratos – Realinhamento de Contratos.

·         Implantação de Projetos – Métodos Construtivos, Sistema de Software.

·         Reformulação de Empresa – Área Organizacional, Técnica, Suprimento, Recursos Humanos.

·         Implantação de Indicadores de Desempenho – Estratégico, Tático e Operacional.

Qualificação Profissional

Período

Entidade

Responsabilidade

Cargo

1995/Atual

Cursos “In Company” (1.100 participantes) – Figueiredo Ferraz; CGL; Sistema PRI; Prefeituras; ARTESP; Universidades
Reestruturação de Empresas e Universidades – Walter Torres, SANEVIAS, Quality
Auditoria em empresas públicas e privadas, entre outros

Autônomo - consultor

1981/1995

ESTACON Engenharia

Superintendente de engenharia

1979/1981

RABELLO Internacional, Argélia

Diretor técnico

1975/1979

SERVIX Engenharia

Superintendente técnico

1972/1975

TRANSPAVI – CODRASA

Superintendente da área Norte

1967/1972

ENGEMIX

Diretor técnico

1965/1967

L. A. FALCÃO BAUER

Engenheiro civil

 

Experiência Profissional

Empresa: Autonômo

Cursos ‘In Company”: Figueiredo Ferraz; CGL; Sistema PRI Engenharia de Planejamento S/C Ltda.; entre outras.

Período de 1995 até a data atual.

·         Curso “In Company”: Clube de Engenharia – CVRD; Banco da Amazônia; Estacon; SEOP; Cosanpa; Corpo de Bombeiros; Correios; Protec; Celpa/Rede.

·         Reestruturação de Empresas e Universidades “In Company” – Aplicação de Indicadores de Desempenho. 

·         Estudos de Viabilidade de Hidroelétricas – CGL.

·         Estudos Relacionados ao Meio Ambiente – Edificações, Rodovias e Saneamento.

·         Planejamento e Orçamento tendo como base Riscos Técnicos, de Custos e Empresariais.

·         Trabalhos Técnicos e de Apoio a Licitações: Prefeituras de Mongaguá; Nantes.

·         Planejamento e Orçamento – Obras de Arte; Hidrelétricas; Edificações; Rodovias; Ferrovias; Metrô; Universidades; Saneamento.

·         Execução e Implantação – Regulamento de Licitações: Figueiredo Ferraz; Governo do Acre.

·         Coordenador Geral na área de Desenvolvimento, Planejamento, Programação e Controle de Diversos Trabalhos e Elaboração de Propostas Técnicas, tanto na Iniciativa Privada como na Pública, para diversos clientes, tais como: METRÔ São Paulo; METRÔ Fortaleza; DER São Paulo, DER Paraná; DER Santa Catarina; Prefeitura Municipal de São Paulo; Serveng Civilsan; Sabesp; FDE; CDHU.

·         Elaboração de estudos técnicos e realinhamento do Contrato da Serveng Civilsan com o Ministério Público – DF (período de 08/2000 a 05/2002).

·         Supervisor na Implantação do Contrato Consórcio Rodoviário com a ARTESP (período de 10/2002 a 06/2003).

·         Supervisor no Contrato com a SETEPLA - SPTRANS na execução dos projetos de Arquitetura, Sinalização e Informação ao usuário (Terminais de Rio Pequeno, Raposo Tavares, Campo Limpo e Vila Sônia).

·         Elaboração de Proposta Técnica, Orçamento, Estudos Técnicos e Econômicos, Métodos Construtivos, nas áreas de Infraestrutura de Edificações, Habitação, Transportes e Saneamento.

·         Projeto Sistema de Vigilância da Amazônia (SIVAM).

·         Projeto Ford - Implantação no Pólo de Camaçari, na Bahia.

·         Normas, Série ISO 9000 - Participação na elaboração e na implantação do sistema da Qualidade (Manual da Qualidade, Procedimentos e Instruções), várias empresas.

·         Planejamento das obras do Estaleiro do Rio Grande sob a responsabilidade do Grupo Walter Torres; Construção do Dique Pórtico de 600 t e de dimensões de 150 m de largura e 350 m de comprimento, Cais de comprimento de 180 m, Embocadura.

Empresa: ESTACON Engenharia

Período de 1981 a 1995.

Residente em Belém do Pará no período de 1981 a 1992 e, em São Paulo, no período de 1992 a 1995, responsável pelas seguintes contratações como Superintendente de Engenharia:

·         Industriais:

ü  Infraestrutura do Projeto Industrial de Celulose Bahia Sul - valor do contrato: US$ 24 milhões - BA;

ü  Obras no complexo industrial da Albras - Barcarena - área construída: 16.000 m2 - PA;

ü  Indústria de Concentrados Ciba-Geigy - Processamento de suco de maracujá - Área Construída: 4.200 m2 – Belém, PA;

ü  Fábrica da XEROX - Manaus, AM.

·         Edificações:

ü  Central Telefônica de Dourados - MS;

ü  Sede da Secretaria da Fazenda - Manaus, AM;

ü  Sede da UEPA - Embrapa - Aracajú, SE;

ü  Tribunal de Contas do Amapá - Macapá, AP;

ü  Fórum de Macapá - AP.

·         Complexos Urbanos:

ü  Infraestrutura do Projeto Carajás - CVRD - PA;

ü  Núcleo Habitacional - 24.000 m2; Centro de Controle - 1.200 m2;

ü  Núcleo Habitacional Porto Trombetas - MRN - Área Construída: 12.000 m2 - Oriximina, PA;

ü  Núcleo Habitacional - Cidade de Belém - Diversos - 24.000 m2 - PA;

ü  Núcleo Habitacional - Albrás - Barcarena - Área Construída: 6000 m² - PA.

·         Hospitalares:

ü  Hospital Yutaka Takeda - CVRD - Carajás - 5200 m² - PA;

ü  Hospital das Clínicas de Belém - SEVOP - 18.200 m2;

ü  Hospital de Carapicuíba, SP - 16.000 m2;

ü  Hospital de Ponta Porã, MS - 5.400 m2.

·         Saneamento Básico:

ü  Estação de Tratamento de Água em Belém, PA - vazão 3,2 m3/seg - volume de concreto 24.000 m3 - Cosanpa; Adutora Utinga - São Braz - tubulação de diâmetro 1.000 mm - extensão: 9.600 m - COSANPA – Belém, PA; Macrodrenagem da Cidade de Belém - Contrato de US$ 69 milhões.

·         Ponte e Viadutos:

ü  Ponte sobre o Rio Araguari, Tacutu, Mazagão.

·         Complexos Esportivos:

ü  Estádio Municipal de Santarém, de Macapá, Centro Esportivo de Carajás.

Empresa: RABELLO Internacional

Período de 1979 a 1981.

·         Realização da Viabilidade Econômica, Planejamento, Orçamento e Construção da Barragem de All-Izdhar, Argélia, com as seguintes principais características:

ü  Lago com Capacidade de 9 milhões de m3 de água; Concreto - 100.000 m3;

ü  Dique Principal - 5.000.000 m3;

ü  Túnel em NATM - 700 m - seção de 64 m2.

Empresa: SERVIX Engenharia

Período de 1975 a 1979.

Residente nas seguintes obras:

·         Barragem de Sobradinho - 1,2 milhão de kW – CHESF;

·         Eclusa - Sobradinho - CHESF;

·         Linha de Transmissão - Belém - Marabá - Imperatriz - 900 km - Eletronorte (Residente em Belém, PA);

·         Ponte de Itaparica sobre o Rio São Francisco - Extensão 200 m - Vão Metálico - 90 m - CHESF - BA/PE;

·         Conjunto Habitacional de Caraíba Metais - Bahia.

EMPRESA: TRANSPAVI – CODRASA

Período de 1972 a 1975.

Responsável pelos seguintes contratos:

·         Tomada D’água para a Cidade de Belém - Guamá;

·         Tomada D’água para a Usina termoelétrica do Tapanã - CELPA;

·         Galeria de Águas Pluviais na cidade de Belém - DNOS;

·         Sistema de Abastecimento de Água da Cidade Industrial de Manaus, AM;

·         Executor do estudo econômico e da construção do Emissário de Esgoto da Cidade de Manaus, AM – comprimento 3600 m, tubulação de Polietileno, diâmetro 1,00 m.

 

Empresa: ENGEMIX Engenharia, Indústria e Comércio

Período de 1968 a 1972.

Responsável pela Aquisição dos Equipamentos de Implantação da Empresa - Estudo Técnico e Econômico; pela montagem das usinas; Matriz - SP, Carapicuíba, Jabaquara, Rio de Janeiro, Porto Alegre; pelo fornecimento de concreto e Orientador dos sistemas de concretagem, destacando-se, entre outras, as seguintes obras:

·         Infraestrutura de Transportes:

ü  Elevado do Joá - 14.000 m3 - Rio de Janeiro, RJ;

ü  Viaduto Presidente Vargas - 8.000 m3 - Rio de Janeiro, RJ;

ü  Metrô linha Norte-Sul - Trecho 7 - 5 - 8, São Paulo, SP - 170.000 m3 - Incluindo as Estações Praça da Árvore e Santa Cruz.

·         Saneamento:

ü  Interceptor Oceânico de Copacabana, Rio de Janeiro, RJ.

·         Edificações:

ü  Conjuntos Habitacionais - Diversos - 12.000 m3;

ü  Edifício BNH - Praça Roosevelt - 4.500 m2 - 2.500 m3 - SP; Edifício Corpo Bombeiro - 2.700 m2 - 2.100 m3 - SP;

ü  Edifício Banco Central - 8.200 m2 - 4.500 m3 - Rio de Janeiro.

 

Empresa: L. A. FALCÃO BAUER

Período de 1965 a 1967.

Responsável direto no Controle Tecnológico do Concreto e orientador de Métodos Construtivos, destacando-se, entre outras, as seguintes obras:

·         Banco Mercantil de São Paulo - SP; Paço Municipal de Santo André - SP; Viaduto Tutoia (Protendido) - SP; Viaduto Carapicuíba (Protendido) - SP; Edifício da Receita Federal - SP; Viaduto do Café - SP; Viaduto Bernardino de Campos - SP; Viaduto Rio Branco - SP; Conjunto Habitacional – Carapicuíba, SP; Diversos Edifícios Residenciais - SP; Santos; Campinas; Diversas Pontes para PMSP; DER; Recuperação de Estruturas de Pontes e Edificações. 

© 2013 - Todos os direitos reservados DIAGRAMA MARKETING EDITORIAL


Loading