Primeiro projeto na China com desenvolvimento orientado ao transporte está em construção

Após 13 anos de esforço coletivo a Ronald Lu & Partners anunciou a conclusão da primeira fase do Tianhui TODTOWN: o primeiro empreendimento orientado pelos conceitos do TOD na China. O projeto que promove a sustentabilidade, o transporte de massa e o senso de comunidade em Xangai leva o conceito de Desenvolvimento Orientado ao Transporte Público (TOD), importante no desenvolvimento das áreas urbanas da China, para o próximo nível.

Com mais de 60 projetos baseados em TOD na China, os projetos arquitetônicos da Ronald Lu & Partners estão evoluindo e vêm assumindo várias formas ao longo do tempo. O mais recente conceito, TOD 4.0, implementado no Tianhui TODTOWN, "envolve um desenvolvimento de uso misto de alta densidade criado junto do centro de transportes a comunidades vizinhas, produzindo um ambiente de vida completo".

Gerando um conjunto de megacidades, com opções de transporte para passageiros e veículos, o Tianhui TODTOWN atrai e retém talentos, aumentando o valor da terra circundante e lançando as bases para a reconstrução de regiões adjacentes no futuro. Com uma área bruta de construção (AGF) de 700.000 metros quadrados, o projeto cria um ambiente completo que integra espaços funcionais, incluindo uma estação de metrô, uma estação ferroviária interurbana de alta velocidade, um espaço residencial de baixa e alta densidade um prédio de escritórios de classe A; com espaço comercial, um hotel e um centro comunitário.

Na Ásia, onde muitos países continuam experimentando a migração das áreas rurais para as urbanas, o planejamento urbano ainda adota inadequadamente várias características de design norte-americanas - em particular o planejamento centrado em veículos. Se isso continuar, muitas cidades de nível 1 e 2 na China provavelmente aumentarão para dobrar ou triplicar seu tamanho atual, levando a enormes pegadas de energia e carbono. O TOD promove uma relação simbiótica entre complexos de transporte público e densos espaços urbanos multifuncionais. O TOD 4.0 adiciona um 'efeito de dupla camada' que cria uma vida melhor para ainda mais comunidades. -

Bryant Lu, vice-presidente da RLP.

Planejado para ser totalmente concluído em 2024, o Tianhui TODTOWN será um catalisador para desenvolvimentos futuros. Ao unir dois lotes de terra, previamente divididos por linhas ferroviárias, o projeto cria um subcentro da cidade, onde uma sala de intercâmbio de trânsito e um shopping center são fundidos em um centro de transporte multiuso. Já imaginando o TOD 5.0, uma fusão de um ambiente ecológico orientado para as pessoas e edifícios inteligentes com tecnologia inteligente, Ronald Lu & Partners acredita firmemente que isso pode liderar o futuro do desenvolvimento urbano na China.

O modelo TOD ajuda a desbloquear o potencial das cidades e economiza energia, enquanto ainda beneficia os moradores. Simplesmente, esta é a melhor solução para a contínua urbanização da China. Com mais de 10 anos de experiência em tais projetos, a RLP é pioneira em TOD. Lançamos nosso “Top Ten Principles of TOD” cinco anos atrás, explicando como resolver questões ambientais, sociais e econômicas por meio do design. Com o TOD 5.0, ajudaremos a criar comunidades verdes avançadas que possuem transporte público no centro de seus projetos.-- Bryant Lu, Vice Chairman of RLP.

Arquitetura: Ronald Lu & Partners (RLP)
Nome do Projeto: Tianhui TODTOWN
Localização: Minhang District, Shanghai, China
Data de finalização: 2024
Área Construída: 700,000 m²
Desenvolvedores: Sun Hung Kai Properties, Shanghai City Development, Shanghai Minhang City Investment
Nome do Projeto: ICC Country Garden Sanlonghui
Arquitetos: Ronald Lu & Partners (RLP)
Localização: Shunde, Foshan, Guangdong, China
Data de Conclusão: 2022
Área Construída: 518,000 m²
Desenvolvedores: Country Garden Group, Shunde Metro, MTR Corporation Limited

© 2013 - Todos os direitos reservados - Diagrama Marketing Editorial