Logotipo Engenharia Compartilhada
Home Notícias Hotel da Dinamarca desenvolve edifício com carbono negativo
Meio Ambiente

Hotel da Dinamarca desenvolve edifício com carbono negativo

Revista PEGN - Dezembro 2020 211 Visualizações
Hotel da Dinamarca desenvolve edifício com carbono negativo

Construção foi pensada para causar poucos impactos ambientais e colaborar para a manutenção do clima

Pensando no meio ambiente e também no futuro da engenharia, o Hotel GSH, localizado na ilha dinamarquesa Bornholm, ganhará uma extensão que promete ser o primeiro edifício da Dinamarca construído com carbono negativo. Esse tipo de construção é projetada para absorver mais carbono do que consome durante sua vida útil. A estrutura foi desenvolvida pela empresa de arquitetura 3XN, em parceria com a empresa GXN. A nova ala do hotel dinamarquês abriga 24 quartos, um centro de conferências e um spa.

De acordo com a Agência Internacional do Meio Ambiente, a indústria da construção civil é responsável por cerca de 40% da emissão mundial de CO2, sendo que só o concreto é responsável por cerca de 8% desse valor. Esses dados indicam que modelos de construção sustentável teriam um papel importante nas mudanças climáticas.

Segundo o Spring Wise, para conseguir essa estrutura de carbono negativo, o prédio será construído com madeira laminada cruzada, isolada com fibras de madeira e revestida com painéis também de madeira. As claraboias e outras áreas abertas farão com que não seja necessário o ar-condicionado.

A construção também busca reduzir o desperdício utilizando materiais reutili´zveis, como sobras de madeira de construção e entulho de lojas locais de granito. Além disso, as água do hotel será aquecido por meio de energia solar.

Kasper Guldager Jensen, representante da empresa 3XN, explica que quer inspirar outras empresas a criar edifícios sustentáveis. “A indústria da construção precisa pensar e agir de forma diferente. Há uma grande necessidade de projetos como este. O Hotel GSH fornecerá um modelo que poderá ser usado para garantir a manutenção do clima.”

Imagem: Hotel GSH está construindo uma ala com carbono negativo (Foto: Divulgação/3XN