Logotipo Engenharia Compartilhada
Home Notícias Concrete Show 2020 foca em tecnologias e tendências do setor
EVENTO

Concrete Show 2020 foca em tecnologias e tendências do setor

Assessoria - Novembro 2020 430 Visualizações
Concrete Show 2020 foca em tecnologias e tendências do setor

A Concrete Show, evento tradicional do setor concreteiro, precisou se adaptar às condições impostas pela Covid-19. No dia 10 de novembro, teve início a edição 2020 do evento, dessa vez, em plataforma digital desenvolvida especialmente para a ocasião, a Concrete Experience. As palestras online serão apresentadas até o dia 12 de novembro, entre às 9h e às 18h.

Em seu primeiro dia, a Concrete Show destaca novas tecnologias e tendências para a área, bem como apresenta casos de sucesso de novas aplicações. O palestrante Rick Yelton, editor geral do World of Concrete, foi quem iniciou as atividades abordando a temática “O que há de novo no mundo do concreto”.

Yelton apontou cinco conceitos que, de acordo com ele, seriam as principais tendências para o mercado: a integração horizontal da Internet das Coisas (ou IoT, Internet ofthings, em inglês); o uso da realidade virtual e aumentada; o crescente uso de Machine Learning (quando os computadores “aprendem” com os dados que são capazes de captar); a Manufatura Aditiva (uso de impressão 3D); e o surgimento de novos tipos de materiais e concretos.

No que se refere à integração de IoT no mundo do concreto, o americano destaca o poder de rastreamento dos colaboradores em uma planta de obra e o reconhecimento do local de trabalho, que auxiliam a manter a segurança dos trabalhadores. “Também existem sistemas que auxiliam na fabricação do concreto e o acompanhamento da maturação”, contou ele.

Já quando falamos sobre realidade virtual e aumentada, Yelton explica que se tratam de dois lados de uma mesma moeda. “A realidade aumentada simula um objeto artificial em um ambiente real, enquanto que a realidade virtual cria um ambiente virtual”, disse ao considerar que essas ferramentas possuem grande aplicabilidade em treinamentos de mão de obra e criação de designers.

Já as Machines Learnings são destacadas pelo especialista na medida em que a digitalização a laser se torna cada vez mais comum e presente nos projetos. Com ela, é possível entender as variáveis comportamentais de um ambiente mais rapidamente, captando dados. As informações captadas são analisadas, muitas vezes, pelos próprios softwares e os responsáveis pelo projeto conseguem identificar até mesmo se todos os materiais da obra estão posicionados de maneira correta.

Por fim, Yelton ressalta a tendência do uso de impressoras 3D pelo mundo a fora, seja para construir módulos e conectá-los posteriormente para a criação de uma ponte, por exemplo, ou seja, para “imprimir” uma moradia de pequeno porte. Somado a isso, vem a necessidade de existirem diferentes tipos de materiais e novas fórmulas para concreto. “Nós, americanos, estamos tentando muito fortemente trazer novos concretos para o mercado”, comentou ele.

Entre os novos materiais em tendência estão:

O concreto biomimético, que busca juntar a tecnologia com itens da natureza para melhoria de desempenho;

  • A injeção de CO² no traço;
  • Indução de crescimento do concreto;
  • Aplicação de nanotecnologia;
  • Uso de materiais pozolânicos;

Para àqueles que tiverem interesse em acompanhar o evento, as inscrições podem ser realizadas pelo site https://www.concreteshow.com.br/pt/ e a programação é gratuita.